Chuvas começam a causar inundações em Quixeramobim e população reclama da falta de escoamento da água.

Uma mistura de alegria com preocupação, é como muitos moradores de Quixeramobim estão recebendo as chuvas dos últimos dias nesta cidade do Centro do Estado. Desde o dia 25 de março, conforme registros da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) tem chovido todos os dias no Município, onde este ano já atingiu 438,8mm. A média histórica apontada pela Funceme é de 692,7mmFaltam 16,6%.

Nesta terça-feira a chuva na cidade foi de 62mm, o suficiente para alagar várias ruas.

No mês de janeiro as precipitações chegaram aos 118,2mm. A média é de 73,3mm. O desvio positivo foi de 61,2%. Em fevereiro, também choveu acima da média neste Município. Foram 172mm, o equivalente a 95,7% acima da média. O normal, de acordo com a Funceme, é 87,9mm. Março também apontou índices acima da média, 195,2mm,  24,6% além do normal, 156,6mm. Neste mês de abril foram 141mmem 10 dias. Restando ainda 18 dias, faltam apenas 28mm para atingir a média do mês.

O resultado do quadro meteorológico favorável após seis anos de estiagem, está chegando com as primeiras inundações nos bairros, como o Conjunto Esperança. Os moradores pretendem se reunir na porta da prefeitura para cobrarem uma solução para o escoamento da água, vez que as previsões do órgão meteorológico do Estado apontam mais chuvas. De ontem para hoje, no intervalo das 7h às 7h, foram 62mm, na área urbana de Quixeramobim.

Chuvas no Ceará

Até a publicação desta edição a Funceme havia registrado chuvas em 56 municípios cearenses, no intervalo das 7h desta quarta-feira (11) para às 7h desta quinta (12)  a maior delas em Itarema, no litoral oeste do Estado, com 164,4mm. Logo depois vem São Gonçalo do Amarante com 150,4mm e Trairi, com 106mm, também naquela faixa litorânea.

Fonte Diário do Sertão Central.

👍🏻Curta nossa página no Facebook 👇🏻

https://www.facebook.com/quixeramobimnews.com.br/