Homens que faziam transporte de valor foram rendidos, e veículo foi explodido por bando armado em Umirim, no Ceará, nesta segunda-feira (28).

População fez 'corrida' em busca de cédulas espalhadas pela via (Foto: Reprodução)

População fez ‘corrida’ em busca de cédulas espalhadas pela via (Foto: Reprodução)

A explosão de um carro-forte em Umirim, no interior do Ceará, gerou uma corrida pela busca das cédulas que ficaram espalhadas na na BR-222. Imagens compartilhadas em redes sociais mostram dezenas de pessoas em busca das cédulas de R$ 50 e R$ 100.

A explosão do veículo ocorreu na manhã de segunda-feira (28), quando um bando armado trocou tiro com os seguranças que faziam transporte de valor em um carro-forte, renderam os profissionais e explodiram o veículo. A força da explosão espalhou as notas pela via e um matagal às margens da pista.

A quadrilha recolheu parte do dinheiro e fugiu em três veículos em direção à cidade de São Luís do Curu.

Conforme a Polícia Rodoviária Federal, ainda na manhã de segunda-feira, os profissionais de segurança isolaram o local e recolheram parte das cédulas. Após a saída da equipe, a população foi em busca do restante do dinheiro.

Cédulas de R$ 50 e R$ 100 ficaram espalhadas por via e matagal à magens da BR-222 (Foto: Reprodução)

Cédulas de R$ 50 e R$ 100 ficaram espalhadas por via e matagal à magens da BR-222 (Foto: Reprodução)

Troca de tiro

Antes da explosão, o bando armado trocou tiro com os agentes de segurança. Testemunhas relataram que os criminosos estavam em maior número e usavam armas de maior calibre que os profissionais que faziam o transporte de valor.

Após o tiroteio, o bando rendeu os agentes e instalou os explosivos no veículo. Não há relato de pessoas feridas no tiroteio ou na explosão.

Cédulas ficaram espalhadas pela via após explosão de veículo (Foto: Arquivo pessoal)

Cédulas ficaram espalhadas pela via após explosão de veículo (Foto: Arquivo pessoal)

Veículo foi totalmente destruído com a força da explosão (Foto: Arquivo pessoal)

Veículo foi totalmente destruído com a força da explosão (Foto: Arquivo pessoal)

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Fonte G1

👍🏻Curta nossa página no Facebook 👇🏻

https://www.facebook.com/quixeramobimnews.com.br/