A equipe da delegacia regional da Polícia Civil de Quixadá efetuou no início da noite desta quarta-feira (17) a apreensão de dezenas de quilos de carne de animais no mercado público desta cidade. A operação, denominada “Carne Podre“, teve como objetivo combater a comercialização dos produtos de risco para os consumidores. O abate estava sendo realizado de forma irregular.

A Polícia Civil informou que quatro trabalhadoresforam detidos quando efetuavam a entrega das carnes nos boxes do mercado. Eles foram conduzidos à delegacia regional e após interrogados foram liberados. Os marchantes, responsáveis pela comercialização irregular, que vinha ocorrendo nos últimos meses, serão notificados e interrogados.

O transporte da carne de moita para o mercado público estava sendo realizado nos fins das tardes.

Ainda de acordo com a Polícia as investigaçõesvinham sendo realizadas havia três meses. Foi possível constatar que os animais de grande porte estavam sendo abatidos ao lado do matadouro público da cidade, atualmente sendo reformado. O abatedouro municipal foi interditado pela Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará (Adagri) no início de setembro de 2016